Esportes

Publicidade
Publicidade


21/07/2017 07:04

Nacional de Patos se prepara para retornar à primeira divisão



O ano de 2017 é especial para o Nacional de Patos, porque completa exatamente 10 anos do último e único título paraibano do Canário do Sertão. Por este motivo, o clube está investindo alto para voltar a elite do futebol estadual em 2018. O clube foi rebaixado para a segunda divisão, após desistir de participar do Paraibano da 1ª divisão, em 2013.

O grande objetivo da diretoria, para este ano, é presentear a torcida com o título da 2ª divisão, competição que começa no próximo dia 6 de agosto, e que oferece ao campeão e vice, o direito de subir para a divisão de elite. \"Desde o ano passado, que reunimos todos os amantes do clube, e estamos fazendo um trabalho muito forte para que o Nacional volte a ser um dos melhores clubes do Estado, como no passado. Eu mesmo voltei para colaborar intensamente pelo sucesso da equipe\", disse o diretor de futebol, José Ivan, que era presidente do clube na conquista do título paraibano, em 2007.

O Nacional foi uma das primeiras equipes a iniciar os treinamentos para a Segundona, sob o comando do treinador Marcos Nascimento. Atualmente, o elenco tem 22 atletas, mas o pensamento é fechar o grupo com 30 jogadores, incluindo aí os garotos da base. A cada dia, chegam novos atletas. Segundo o diretor de futebol do clube, José Ivan, o Nacional já contratou 22 atletas, alguns bastante conhecidos do torcedor paraibano, com passagens por grandes clubes, como Jó Boy, ex-Botafogo e Auto Esporte, Carlos CAAPORÃ E JÚNIOR Mandacaru, com passagens pelo CSP e outras equipes. Ontem, desembarcaram em Patos mais 2 jogadores, vindos do Sousa, o volante Júnior Lira e o zagueiro Eduardo, que estavam disputando a Série D.

maispatos.com